A Importância da Participação das Empresas em Feiras

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

A maior parte dos empresários brasileiros não tem a menor dúvida de que as feiras representam o caminho mais rápido e eficiente para a efetivação de suas vendas no mercado interno e externo.

Os expositores, ocupando um stand em uma feira especializada atingem, frequentemente, clientes potenciais de todos as partes do país, além de terem a oportunidade de conhecer a oferta de seus concorrentes e suas últimas novidades. Já os visitantes, por sua vez, têm uma visão pessoal e completa de todo o segmento ofertado em determinada feira de seu interesse.

Os visitantes estabelecem contatos ou para adquirir um produto de sua necessidade ou para retornar como expositor, para, então, colocar os seus produtos ao mercado. Essa participação em feiras gera, entre vários fatores, a melhoria da qualidade dos produtos ofertados pelas empresas, uma vez que, ao serem observados o nível de qualidade e a agregação de valor aos produtos das empresas concorrentes, as empresas se vêem na posição de nivelar seus padrões produtivos para tornarem seus produtos competitivos no mercado, aumentando assim ainda mais a concorrência e a possibilidade de inserção no mercado global.

A participação em feiras comerciais é um dos instrumentos de marketing mais eficazes de que dispõem as empresas. Nas últimas décadas, mais precisamente nas duas últimas, tem-se verificado vertiginoso crescimento no número de feiras comerciais que se realizam nos mais diversos cantos do país, e que abrangem os mais variados setores e produtos. Hoje, muitas empresas já possuem um calendário anual de participação em feiras profissionais.

Em alguns setores, há empresas que têm nas feiras sua principal estratégia comercial.
Outras, se preparam o ano inteiro para em um único evento lançar seu produto no mercado e anunciar novas estratégias ou até mudanças substanciais dentro da companhia.

Há, ainda, empresas que consideram a feira um evento de participação obrigatória para sinalizar sua posição no mercado onde atua.

O grande sucesso das feiras como estratégia comercial e de marketing das empresas deve-se a vários fatores: custo relativamente baixo em comparação a outros veículos de propaganda e divulgação; possibilidade da empresa se fazer presente institucionalmente e projetar sua imagem para um público específico, como no caso das feiras setoriais; possibilidade de contato direto com clientes e prospects sem necessidade de se locomover; oportunidade para analisar a concorrência e também o seu próprio produto, avaliando, em um só momento, preço, tecnologia, design, posicionamento de mercado e todos os demais itens que interessam à área de marketing e vendas; oportunidade para os profissionais envolvidos observarem novos produtos, tecnologias e estratégias comerciais, adquirindo novo know-how que contribua para o desenvolvimento tanto do profissional e da empresa quanto do segmento como um todo.

Deixe uma resposta