A voz da praticidade

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Tecnologias de ponta estão cada vez mais presentes no dia a dia das pessoas e no ambiente corporativo. O ser humano vem se utilizando de recursos de informática para realizar uma série de tarefas corriqueiras. Hoje, sequer é necessário usar a voz para transmitir uma mensagem falada. Um robô pode fazê-lo por você. Quem ganha com isso? As empresas e os consumidores, com agilidade e atendimento preciso.

O Text to Speech (TTS) – do inglês "texto para voz" – funciona por meio do uso de um sintetizador de voz para reproduzir artificialmente o discurso humano. Isso é feito pela concatenação inteligente de pedaços de fala gravada. Fonemas, sílabas e até palavras ou frases inteiras podem ser unidas, formando uma mensagem completa. Por exemplo, ao programar o computador para dizer a palavra "lucro", ele une as sílabas necessárias para formar o termo pretendido – neste caso, "lu" e "cro" – e as reproduz em um único áudio.

A qualidade de um TTS está ligada à similaridade com o som emitido por uma pessoa e à capacidade de sua compreensão. Alguns sistemas incorporam até mesmo características próprias do aparelho fonador – responsável pela voz -, proporcionando um resultado ainda mais próximo do real.

Para se ter uma ideia do poder dos sintetizadores, basta usar o caso do físico e cosmólogo inglês Stephen Hawking como exemplo. Portador de esclerose lateral amiotrófica, ele teve os músculos do corpo paralisados, perdendo a capacidade de falar. O cientista se utiliza dessa ferramenta para se comunicar desde 1985 e continua a dar aulas e palestras graças à tecnologia.

Esse recurso é de grande utilidade para contact centers de qualquer ramo de atuação, pois ajuda em diversas etapas durante um atendimento, aumentando a produtividade. Com ele é possível confirmar dados de um cliente e ditar um número de protocolo, sem ocupar um operador com essas tarefas. Integrado a uma Unidade de Resposta Audível (URA), o TTS pode ser implantado até mesmo em uma campanha, personalizando mensagens para uma determinada quantidade de clientes. Muitas empresas já usam essa tecnologia e com isso, aumentaram em aproximadamente 70% a produtividade.

Ariane Abreu é diretora comercial da Total IP.

Fonte: ClienteSA

Deixe uma resposta