O mundo dos negócios segundo o filme "Tudo Por Um Sonho"

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

O filme "Tudo Por Um Sonho" é baseado em uma história real. Baseado na história de vida do surfista Jay Moriarity, um prodígio garoto que aos 15 anos de idade decide enfrentar o maior desafio de sua vida. Ele decide enfrentar as Costas Mavericks, onde ficam as maiores ondas do mundo. Mas, o que o este filme nos ensinaria sobre o mundo dos negócios?

Durante sua jornada ele inicia uma amizade com Frosty Hesson, um surfista veterano interpretado no filme pelo conhecido ator Gerard Butler. No mundo dos negócios, em qualquer que seja o ramo, é fundamental a presença de um "frosty", alguém que será o seu mentor, aquele que mesmo contra a sua própria vontade irá lhe ensinar tudo o que for necessário e importante para que você esteja preparado para alcançar o êxito.

Segundo Frosty, existem quatro pilares fundamentais para se chegar a esta estrutura humana de preparação: o físico, o mental, o emocional e o espiritual. Em outras palavras, para que consigamos o alcançar o êxito nos negócios é necessário que estejamos em constante equilíbrio com o que praticamos, o que pensamos, o que imaginamos, e principalmente, naquilo em que acreditamos.

O mito das ondas gigantescas, como as Mavericks – consideradas pela grande maioria dos surfistas como impossível de ser enfrentada é antigo. Tão antigo quanto o mito de que somos incapazes de realizar nossos maiores desafiosl. Mas, assim como existem surfistas capazes de enfrentar as maiores ondas do mundo, também somos capazes de enfrentar nossos maiores desafios. O filme nos faz perceber que entre o impossível e o possível existe algo que conhecemos como o medo.

Do quê você tem medo? Qual legado quer deixar? Quais coisas você não consegue encarar porque tem tanto medo?

Estes questionamentos feitos pelo mentor de Jay nos fazem refletir sobre o que nos impede de alcançar o êxito no mundo dos negócios. A resposta para estas perguntas pode ser a "chave" para o que existe entre o possível e o impossível.

Fonte: Administradores

Deixe uma resposta