O que seu cliente espera de você

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Quando você vai a uma loja, a um restaurante, realiza um passeio turístico, seja em qualquer lugar que você estiver, em qualquer situação, é muito provável que irá consumir um produto, ou vários, ou usufruir de serviços. E aí, qual é a sua vontade, qual o seu desejo, qual a sua expectativa em relação aos produtos que consumirá e aos serviços que serão prestados a você
Obviamente todos nós, nessas situações, esperamos um atendimento cordial, um produto adequado às nossas satisfações do momento, um produto ou serviço com padrões de qualidade ao nível do que esperamos pagar por eles. Muitas vezes o preço não importa, se é caro ou não, o que importa é o valor agregado, é o que envolve aquela situação de compra para mim, quais atributos, qual a qualidade que irão me oferecer. Posso ir a uma loja para comprar um anzol, e sair com todo equipamento de pescaria e, até a lancha que vai me levar aos rios, mares. Tudo depende da minha experiência de compra, de qual será a experiência vivida naquele momento, qual será o retorno da expectativa criada em torno daquela situação.
Mas tudo isso depende de uma coisa, como eu enxergo meu cliente, como vou proporcionar a ele essa experiência maravilhosa, inesquecível pra que não só ele volte, mas indique o meu produto ou serviço para os amigos, familiares, pessoas.
Falo isso porque o que queremos quando saímos para consumir determinado produto ou serviço, somos clientes, somos exigentes, agimos como clientes querendo sempre o melhor atendimento, a maior atenção.
E é por isso que o seu cliente espera de você, da sua empresa, dos seus funcionários, do seu negócio, o mesmo que você esperaria de qualquer situação de compra, de consumo. O mesmo que você espera quando está na posição de cliente.
Ora, se todos nós somos clientes com todas essas características, temos real capacidade para discernir um bom produto do ruim, um serviço de qualidade, daquele desqualificado, e assim por diante. Temos na nossa cabeça, na nossa consciência um modelo exato de experiência de consumo.
Por todas essas questões, quando vamos elaborar um planejamento, definir estratégias mercadológicas, definir público, nicho de mercado, expectativas de consumo e antes de investir nas pesquisas para formular um modelo de negócio que vai inserir um produto ou disponibilizar um serviço no mercado, temos que pensar: Qual é a minha saisfação; Qual é o meu desejo se fosse consumir; qual é o tratamento que eu gostaria de ter; qual seria a minha experiência, o meu desejo, o meu prazer e satisfação em consumir esse produto;
O que determina esse posicionamento, como será o comportamento do seu produto ou serviço no mercado, o que será deles, sua vida útil, seu sucesso é exatamente aquilo que você espera que ele seja, se colocando no lugar do cliente.
Portanto, faça do seu negócio, a sua própria satisfação, o seu próprio desejo, o seu próprio prazer e a sua própria realização, porque com essas conquistas, agregando todos esses valores à sua marca, produto e serviços, fatalmente você estará comprometido com o sucesso e, o seu cliente será muito feliz com um negócio que o satisfaz, que realiza e que o fideliza!

Por Erick Machado

Deixe uma resposta