17 dicas poderosas para você construir um networking inteligente

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Networking é a união de duas palavras net (rede) e working (trabalhando), e consiste na rede de contatos que uma pessoa possui e como esta utiliza-se disso para aumentar suas probabilidades de ascensão profissional. Em outras palavras, são os relacionamentos pessoais, comerciais e profissionais que uma pessoa mantém com outras e o quanto esse fator qualitativamente e quantitativamente contribui para o sucesso profissional da mesma.

Sabemos que os relacionamentos interpessoais possuem um valor imensurável em nossa geração, haja vista, que a competitividade é acirrada e apenas títulos e experiência profissional não bastam mais para que uma pessoa possa obter boas oportunidades profissionais, pois, somente aqueles que gozarem de bons relacionamentos terão as melhores oportunidades em suas mãos.

Infelizmente, a maioria das pessoas não possui dimensão da importância de uma rede de relacionamentos para a sua vida, sendo assim, somente buscam valorizá-la quando precisam de ajuda urgentemente (como na busca por uma vaga de emprego, por exemplo.), ou seja, buscam amigos por interesse, e não por apreciarem sua amizade, e isso, sem dúvidas, é inadmissível. Nessa era em que vivemos, globalizada e dinâmica, o ser antissocial sofrerá duras consequências no mercado de trabalho, haja vista, que o mesmo vive em um mundinho pequeno que foi criado por ele mesmo, onde a timidez e o medo das pessoas são os principais fatores norteadores desse lugar.

Sendo assim, é importantíssimo criar uma grande teia de amigos, criando várias conexões para que seu leque de opções seja variado, gerando vantagem competitiva. Parece ser algo simples e de fácil consecução, no entanto, as pessoas confundem quantidade com qualidade, pois, pensam que conhecidos e amigos são a mesma coisa.

Evidentemente, o amigo é aquela pessoa que você criou afeto e gerou credibilidade, de modo que o mesmo enxerga em você uma certa confiança, pois, estabeleceu uma imagem positiva da sua pessoa, principalmente nos momentos em que houve troca de favores, sendo assim, é uma pessoa que estará sempre disposta a auxiliá-lo, fortalecendo esse laço.

Já o conhecido é aquele sujeito que você conhece, mas que não estabelece vínculo, ou seja, ele é apenas uma pessoa que você cumprimenta por educação e que pouco conhece de sua vida.

Sem dúvidas, para estabelecer um bom networking é necessário que você tenha amigos, sendo assim, é fundamental investir em boas amizades, onde haja ajuda mútua de ambas as partes, interesse em estar junto para compartilhar os momentos de lazer, bem como espaço para tratar de negócios. Fazendo isso, você verá que aos poucos, suas alianças irão crescer e em muito pouco tempo você irá agregar notoriedade na sociedade e consequentemente crescerá profissionalmente.

Mas, para que o seu networking seja produtivo é necessário que você interaja com pessoas de todas as áreas relacionadas ao seu negócio, de modo a chegar em um denominador comum entre as partes, possibilitando uma relação ganha-ganha, ou seja, não pode ser uma via de mão única, para que uma das partes não se sinta usada.

Seus amigos serão úteis para troca de conhecimentos, experiências, atualizações e conselhos, de modo que é fundamental ter algumas pessoas para contar nos momentos de insegurança e dificuldades, pois, o ser humano nasceu para interagir com o outro. Quer um exemplo? Pegue um ser humano que vive em uma aldeia, isolado do mundo e sem ter sido educado para interagir nos padrões de nossa sociedade e ande com ele pela cidade de São Paulo, por exemplo, fazendo-o interagir, trocar experiências e aprender novas coisas. Você verá que apesar das dificuldades, em pouco tempo de mudança, o mesmo irá evoluir consideravelmente e logo será um novo homem, ou seja, assim como esse ser que vivia isolado do mundo, nós, cidadãos globalizados, também crescemos com essa interatividade social.

Confira, abaixo, 17 dicas para a realização de um networking inteligente:

1 – Frequente uma multiplicidade de locais: o networking pode ser estabelecido em qualquer lugar, sendo assim, quanto maior for a variedade de locais que você frequentar, maior será a probabilidade de estabelecer vínculos, sendo assim, tenha sempre em mãos seu cartão de visita e esteja sempre disposto a conhecer e fazer amizade com novas pessoas, seja em congressos, viagens, lazer, etc.

2 – Use a internet: não podemos negligenciar a importância das redes sociais no mundo em que vivemos, haja vista, que as mesmas representam uma ferramenta poderosa para aproximação de pessoas com objetivos comuns. Sendo assim, selecione as pessoas que são interessantes para você, adicione-as e busque estabelecer um relacionamento forte com as mesmas.

3 – Tenha assuntos em comum: busque conversar sobre assuntos que a outra parte tenha prazer e que você também domine. Um bom exemplo é um time de futebol, ou, sobre um livro interessante, ou, sobre a família, enfim, busque ser interessante para que a conversa flua.

4 – Tenha sempre disponibilidade para ajudar: seja uma pessoa pró-ativa, ou seja, busque ser alguém que sempre está disponível para auxiliar as pessoas, de modo que as pessoas se lembrem de você em um momento de necessidade.

5 – Mantenha seus contatos ativos: de nada adianta estabelecer um contato apenas uma vez, ou seja,não deixe que as pessoas se esqueçam de você. Use a criatividade para fazer uma ligação, enviar um e-mail, ou comparecer a um local, de modo que as pessoas vejam que “você está ali” e principalmente que você interage com elas.

6 – Seja simples: saber se expressar com clareza de forma que o outro compreenda sua mensagem corretamente é um dos desafios em um diálogo. Daí a importância da simplicidade na comunicação, de modo que o outro sinta-se a vontade para expressar suas ideias e pensamentos, evitando desconfortos.

7 – Valorize a diversidade: cada ser humano possui sua maneira de pensar, agir e falar, ou seja, é fundamental aceitar as diferenças, evitando preconceitos, pois, o mundo é múltiplo.

8 – Seja uma pessoa aberta: busque constantemente conhecer novas pessoas, de modo a ampliar sua rede de contatos. Além disso, reserve um tempinho para interagir com aquelas pessoas que você já não vê a algum tempo, trazendo-as de volta para seu cotidiano.

9 – Seja eclético: seja uma pessoa culta, ativa, e polivalente, privilegiando o conhecimento (leitura, palestras, etc.), a variedade de ambientes frequentados (teatros, cinemas, etc.), e a pluralidade de atividades dominadas (como saber dançar, praticar rapel, etc.), de modo a ampliar suas capacidades.

10 – Seja verdadeiro: não busque mudar seus pensamentos para agradar uma pessoa, pelo contrário, seja você mesmo, pois assim, você terá a certeza de que a pessoa realmente gosta da sua pessoa e não de um possível personagem que você montou para agradá-la. Além disso, seja ético em suas relações e não busque “atalhos”, pois, os mesmos, são como um boomerang, ou seja, sempre se voltam contra você.

11 – Não seja uma pessoa negativa: o ser negativo afasta as pessoas, pois, tende a reclamar de tudo, inclusive de outras pessoas. Seja positivo e busque sempre ser bem humorado, pois assim, você será sempre lembrado como uma pessoa de sorriso no rosto e que transmite entusiasmo e alegria.

12 – Seja como um maestro: tente conduzir as conversas, expressando seus pensamentos e incentivando a outra parte a contribuir com suas opiniões, pois assim fazendo, você criará um ambiente de debates saudáveis e inteligentes.

13- Indique as pessoas nas quais você possui um certo grau de confiança: dar boas referências sobre aqueles que ostentam credibilidade para com a sua pessoa é um ato justo e nobre, haja vista, que é uma oportunidade de ajudar três pessoas, a saber: você (que estará ajudando um amigo), o amigo (que será ajudado) e o interessado em um grande talento (que estará levando para próximo de si, uma pessoa confiável e talentosa).

14 – Busque lembrar o nome das pessoas: lembrar o nome das pessoas é um ato que demonstra atenção, cordialidade e cavalheirismo. Outro fator importante a se lembrar é a questão da data de aniversário, pois, é uma data marcante para a maioria das pessoas, sendo assim, não podemos nos esquecer desse dia.

15 – Nunca procure as pessoas apenas para pedir um favor: como já mencionado no artigo, estabelecer um contato com alguém somente para obter um favor é um ato medíocre. Por isso, busque se aproximar das pessoas o tempo todo e não somente quando precisar de ajuda, pois assim as pessoas saberão que você gosta delas e não do que elas tem a oferecer.

16 – Atualize as pessoas sobre o que você está fazendo: trabalhe para que as pessoas saibam um pouco de sua vida (com o que está trabalhando, quais são os seus projetos futuros, suas viagens, etc.), pois assim, as pessoas se sentirão parte de sua vida.

17 – Tenha cuidado ao se expor: lembre-se: algumas pessoas estão esperando o seu erro para atacá-lo. Sendo assim, tenha cuidado com aquilo que você compartilha com as outras pessoas. Postagem de fotos comprometedoras em redes sociais, ou, excesso de liberdade dada a uma pessoa que não tem tanta intimidade, podem ser fatores comprometedores para a sua imagem.

O networking é um dos grandes investimentos de nossa época, pois, relacionamentos de qualidade são a chave para abrir a porta das oportunidades e nos transformar em profissionais bem sucedidos. Sendo assim, devemos gastar tempo, labor e dinheiro em prol desse rentável investimento.

Fonte: Administradores

Deixe uma resposta