Projeto Havainas Ipê

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

“Um par que serviu direitinho para a fauna e flora brasileira”

E
sse é o título que apresenta a parceria da marca Havaianas com o Instituto Ipê no endereço eletrônico do projeto Havaianas Ipê. Desde 2004, a Alpargatas é parceira da ONG socioambiental que atua na preservação da fauna e flora brasileira. Da proteção de animais e plantas até o desenvolvimento de ações sustentáveis junto às comunidades que fazem parte do mapa de atuação do Instituto, o Ipê trata de questões ambientais em todos os seus aspectos, há 17 anos.

A Unidade de Negócios Sustentáveis do Ipê tem como missão gerar alternativas de renda para as comunidades residentes nos locais onde o Instituto atua e profissionalizar suas parcerias com a iniciativa privada. A parceria com a Alpargatas tem cinco objetivos: divulgar as espécies da fauna e flora brasileira, aumentar a visibilidade do Ipê e de suas ações, arrecadar contribuições para o crescimento institucional da organização, agregar valor à marca Havaianas, de modo que a expressão de responsabilidade socioambiental atribuída à coleção de sandálias fidelize e conquiste novos consumidores, estabelecer o compromisso corporativo da marca em respeito ao meio ambiente e sensibilizar os consumidores para a questão da conservação da biodiversidade.

O uso de imagens de animais da rica fauna brasileira nas estampas das sandálias foi a maneira encontrada para que tanto a Alpargatas quanto o Instituto Ipê agregassem valor às suas respectivas organizações. Essa foi a primeira vez em que a Havaianas colocou a marca de uma organização não governamental ao lado de sua marca. A Alpargatas transformou a nova linha de sandálias num item de série e o Ipê sabe que uma parceria com uma marca forte e rentável, tanto no Brasil como no exterior, só tende a valorizar sua imagem, disseminar sua causa e atrair mais recursos para o desenvolvimento de seus projetos.

Os modelos da linha Havaianas Ipê são comercializados em mais de 80 países e a cada nova coleção uma novidade chama a atenção dos consumidores. A primeira inovou pela técnica de policromia, nunca utilizada anteriormente em linhas da marca. Dessa forma foi possível a impressão da multiplicidade de cores características dos animais escolhidos para retratar a fauna brasileira. Em outra coleção, as sandálias ganharam a sutileza das aquarelas produzidas pela artista plástica norte-americana Shirley Felts, criada após uma viagem dela pelo Brasil para conhecer o Instituto Ipê. A coleção 2009 das sandálias Havaianas Ipê ganhou tiras transparentes.

Desde 2004, mais de 5,5 milhões de pares da linha de sandálias foram produzidos com imagens de espécies da natureza. Do valor da venda dessas sandálias, 7% é destinado ao Ipê. Até hoje, o projeto já arrecadou mais de R$ 2,3 milhões. Recurso que tem propiciado a criação de um fundo de conservação, que proporciona as condições necessárias para a sustentabilidade institucional da organização e de suas ações em prol da conservação da biodiversidade brasileira. Uma receita essencial para implementar mais de 50 projetos do Ipê espalhados pelo Brasil.

Os resultados da parceria são significativos para os dois lados em termos de ganho de credibilidade. De um lado, a Alpargatas chancela o Ipê no que diz respeito à seriedade do trabalho da organização e, de outro lado, o Ipê chancela a Alpargatas com relação à preocupação com a educação ambiental para a conservação da biodiversidade. Uma parceria que se transformou em case de sucesso, sendo apresentada em congressos, manuais e na mídia, tanto nacional, quanto internacionalmente. Interessante seria se ações promocionais e de relacionamento escolhessem as sandálias Havaianas Ipê e aumentassem as possibilidades de preservação da fauna e flora brasileiras.

Por Elisabeth Guimarães – Grupo Bríndice

Fontes:
Site Projeto Havaianas Ipê
Site comercial Havaianas
Site Instituto Ipê

Deixe uma resposta